Mighty Morphin Power Rangers: The Movie do Mega Drive

Veja também , , , ,

A primeira fase dos Power Rangers foi incrível, gostava demais de assistir, e claro os jogos não poderiam ficar de fora, na grande maioria existia a possibilidade de se jogar com 2 controles de forma cooperativa, gostava muito do de SNES (que, convenhamos, era difícil pra caramba), mas o meu preferido era o de Mega Drive.


Clique em leia mais para continuar lendo (Captain Obvious ataca!)

O filme dos Power Rangers foi lançado em 1995, e aproveitando a deixa, veio o jogo também. Todo início de fase te deixava a opção de escolher um ranger para começar a fase. Alguém lembra do nome de todos? O Ranger Branco era o Tommy, o Ranger Vermelho era o Rocky, o Ranger Preto era o Adam, o Ranger Azul era o Billy, a Ranger Amarela era a Aisha e a Ranger Rosa era a Kimberly (ah, a Kimberly *-*). Não existia grande diferença nas forças entre eles, mas cada um tinha uma arma específica que podia ser usada ao carregar o botão de soco ou durante o combo, vocês devem lembrar qual arma cada um usava.

Durante o jogo existiam algumas cenas do filme, quem assistiu se lembrava bem, existia estágios que remetiam a série de TV também, tornando o jogo ótimo para quem assistia Power Rangers.

Ainda assim era um jogo simples, sem grandes dificuldades. Possui um botão de ataque, um de pulo e um de especial (que sempre arranca um pouco de sangue, videogames costumam fazer isso, quer dar especial? pague com seu sangue!).

A grande graça, claro, estava em poder jogar com algum amigo, tornava o jogo mais fácil, mas também muito mais divertido. Como toda vez que se passava de fase era possível escolher outro ranger, isso significava que se ambos gostassem do mesmo ranger, podiam alternar jogar com ele em cada fase. A música ajudava bastante e as vozes dos personagens consistiam em gritos de "IAAA" quando o personagem soltava algum especial. Os gráficos são bem legais também, mas algumas coisas podiam ser melhores para um jogo de 1995, por exemplo algumas fases são um tanto longas e extremamente repetitivas.

O maior atrativo com certeza estava na possibilidade de usarmos os Zords em algumas fases, lógico que aparecia uma cena antes mostrando os Zords sendo "montados" e durante a luta dava pra ter realmente a noção de quão gigante você ficava.

A coisa que realmente desaponta é o chefe final. Quando você acaba com ele fica com aquela cara de: "Já? Era só isso?"

Esse é um jogo que eu recomendo tanto para quem gostava de Power Ranger como para quem gosta de jogos estilo beat'n up, nostalgia pura, eu mesmo dei final incontáveis vezes com várias pessoas, já joguei ele via kaillera também e foi bem divertido hehe.

Falconzord empenhado numa luta contra o Hornitron
E aqui vai um vídeo do gameplay cooperativo:


Espero que tenham gostado.

Acesse nosso twitter: www.twitter.com/lembrodisso

4 Nostálgicos:

  1. Renatim disse...:

    Cara Nostalgia total Relembrando dos Power Rangers! que cairam de produção com o passar do tempo. Engraçado a tecnologia avança mas a qualidade dos power Rangers regride .

  1. Anônimo disse...:

    nossa era da hora esse jogo ein . rafael bovo

  1. Anônimo disse...:

    na verdade eles não tão piorando é a gente q vai crescendo e vendo defeito em td
    pras crianças de hoje daqui a uns anos esses q vc diz q são ruins é q vão causar nostalgia
    tente assistir aos antigos de novo com seu olhaadulto e vc entenderá o q eu digo
    :mateus bertolaccini

  1. Anônimo disse...:

    porra cade download

Postar um comentário